O sistema de frenagem evita que a roda bloqueie, auxiliando o veículo não se descontrole e derrapa. Aumenta a estabilidade em condições de frenagens de emergência, permitindo que o usuário consiga desviar de obstáculos durante a frenagem, reduzindo a distância de parada em até 30%.

Esse sistema é composto por sensores que monitoram a rotação de cada roda e a compara com a velocidade do veículo. Esses sensores medem a rotação e passam essas informações para a unidade de controle do ABS. Se essa unidade detectar que alguma das rodas está na eminência de travar, haverá a intervenção da central em milésimos de segundo, modulando a pressão de frenagem, garantindo assim que a roda não trave e proporcionando uma frenagem mais segura.